Portal do Governo Brasileiro
  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte

Estudantes criam horta sustentável e exibem o modelo no pátio do câmpus

Imprimir

Estudante de Engenharia Ambiental e Sanitária, Akemi Sebata, elaborou o projeto Horta na Pet.Já pensou ter uma horta em casa e ainda gastando pouco para fazê-la? Esse desafio foi encarado por estudantes de Engenharia Ambiental e Sanitária e integrantes do Centro Acadêmico do curso com o projeto Horta na Pet. O modelo feito com palete e garrafas pets está em exposição no pátio do Câmpus Goiânia, próximo à biblioteca, até a próxima segunda-feira, 13. A comunidade pode conferir o passo a passo para se criar com praticidade uma horta sustentável.

De acordo com a desenvolvedora do horta e aluna do 2º período de Engenharia Ambiental e Sanitária, Akemi Silveira Sebata, o projeto Horta na Pet surgiu como uma necessidade de se incentivar a diminuição da produção de resíduos descartados aleatoriamente, reutilizando materiais que estão ao alcance da maioria das pessoas. “Utilizei um palete que tinha em casa e mais garrafas pets e arame. O investimento é pouco para se construir a horta e é algo que qualquer um pode fazer”, explica Akemi Sebata.

 

 

Faça você mesmo

São necessários poucos materiais para se fazer a horta, como: 1 garrafa pet de dois litros, 1 tesoura sem ponta, terra adubada, sementes ou mudas de plantas. Para se criar um modelo de horta a ser apoiado no chão ou em outra base, é interessante utilizar também uma caixa de ovos, que auxiliará na contenção da água quando as hortaliças forem regadas. Já para um modelo de horta vertical, como o que está exposto no pátio, é preciso também arames para amarrar as garrafas pets ao palete ou mesmo fixá-las na parede da residência.

A estudante Akemi Sebata recomenda a utilização de sementes ou mudas de hortelã, salsa, manjericão, rúcula, alface e demaisCentro Acadêmico de Engenharia Ambiental e Sanitária do IFG - Câmpus Goiânia. plantas cujas raízes não sejam muito profundas. A criação da Horta na Pet foi pensada em alusão ao Dia Mundial da Luta Contra o Agrotóxico, que apesar de ser celebrado em 3 de dezembro, é uma questão a ser refletida cotidianamente, como ressaltam os integrantes do Centro Acadêmico do Curso de Engenharia Ambiental e Sanitária (CAEAS) do IFG – Câmpus Goiânia. Além da promoção de uma alimentação orgânica, o projeto Horta na Pet estimula a criatividade por meio de uma invenção ao estilo faça você mesmo, bem como a sustentabilidade a partir da reutilização de materiais recicláveis e a alimentação saudável.

A ação é mais uma iniciativa do Centro Acadêmico do Curso de Engenharia Ambiental e Sanitária do IFG – Câmpus Goiânia, que visa promover mensalmente no câmpus atividades em consonância com o calendário ambiental. Os integrantes do CAEAS convidam os alunos de outros cursos para desenvolverem parcerias para o desenvolvimento de projetos na área de Meio Ambiente.

 

Coordenação de Comunicação Social do Câmpus Goiânia