Portal do Governo Brasileiro
  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte
Página Inicial

Agroecologia

Imprimir

Estudantes de Agroecologia participam de vivência no campo

vivenciaDurante três dias, 24 a 26 de janeiro, uma turma de quinze alunos, estagiários do 2º e 3º ano do Curso Técnico Integrado em Agroecologia estiveram imersos numa vivência na Chácara Caminhos d'água, localizada no assentamento Novo Horizonte. A atividade integra o Projeto de pesquisa e extensão “Troca de Saberes da Juventude na Transição Agroecológica”, que é desenvolvido por professores e técnicos administrativos do IFG em parceria com a Vila Esperança.

O projeto, que teve início em dezembro, foi concebido pelos professores de Agroecologia Diogo Souza e Viviane Abreu e os técnicos administrativos Carlos de Melo e Emicleia Pinheiro com o objetivo de aproximar os estudantes da vida no campo por meio de práticas, técnicas e da elaboração de planos de manejo sustentáveis. Diogo explica que a intenção é viabilizar a aproximação dos estudantes à realidade do campo em Goiás e mostrar as perspectivas de geração de renda através da agroecologia. “A grande vertente do projeto é a formação humana e cultural, trabalhando as relações interpessoais, a construção do senso crítico e a valorização da cultura camponesa”.

Nos 3 dias, hospedados na sede da propriedade, os alunos realizaram trabalhos coletivos focados no cooperativismo, como a produção de queijo, o plantio de mudas, elaboração de diagnóstico rural participativo e a coleta e análise do solo. A estudante do 3º ano de Agroecologia, Maria Eduarda, ressaltou a importância da atividade para aplicar os conhecimentos teóricos adquiridos em sala de aula, além de conhecer o estilo de vida camponês: “foi uma experiência enriquecedora, poder colocar em prática os conhecimentos que tive ainda no primeiro ano, além de me aproximar e conhecer melhor como é a vida no campo, a Dona Divina, caseira da fazenda, nos mostrou como é o seu dia a dia, sua lida com a cozinha e com a terra”.

Segundo o professor Diogo, o projeto continua até janeiro do próximo ano e as próximas atividades devem ser programadas e organizadas pelos próprios estudantes que vão compor o Núcleo de Agroecologia do IFG com o objetivo de orientar as atividades de pesquisa e extensão ligadas ao curso.

 

Veja mais fotos da atividade aqui.

 

Comunicação Social Câmpus Cidade de Goiás